• ACESSO RESTRITO
Manhã Literária 2018: apresentações, venda e troca de livros, artesanato e muita diversão

Manhã Literária 2018: apresentações, venda e troca de livros, artesanato e muita diversão

No dia 7 de abril aconteceu a Manhã Literária do Cermac. As famílias participaram da troca e venda de livros, compraram peças de artesanato feitas pela tribo indígena Kariri Xocó, assistiram às apresentações dos alunos do Fundamental I, conheceram a nova parceria do colégio com a empresa SmartBlocks - especialista em Robótica Pedagógica - e visitaram as exposições dos trabalhos desenvolvidos pelos alunos da Educação Infantil ao Ensino Médio.

Baby

Neste ano, as turmas do Baby desenvolveram trabalhos a partir dos Contos Clássicos: João e o Pé de Feijão, João e Maria, Cachinhos Dourados, Os Três Porquinhos, entre outros.

Foram exploradas as texturas, misturas de cores e diversas formas. Construíram o cenário dos contos com materiais reciclados e plantaram até feijõezinhos. Muitos dos cenários eram interativos e os presentes puderam brincar com as janelas e portas que se abriam, simularam corridas entre a lebre e a tartaruga, colocaram o lobo nas casas dos três porquinhos, etc.

Os bebês, durante seu dia-a-dia no berçário, interagiram com um lindo livro de tecidos com a ajuda das berçaristas. As fotos estavam expostas para que as famílias pudessem conhecer um pouco das estimulações.

Cermac Junior

No Junior, as crianças aprenderam muito através da leitura dos livros paradidáticos “O livro da escrita”, de Ruth Rocha e Otávio Roth, “De onde vem a televisão?”, de Celia Catunda, Fernanda Salem e Kiko Mistrorigo, “Grandes Invenções”, de Jozua Douglas e “O Jornal”, de Patricia Auerbach.

A partir daí, conversaram muito com as professoras e estudaram a evolução dos meios de comunicação, desde os homens das cavernas até os dias de hoje. Na manhã literária, apresentaram os trabalhos manuais e réplicas feitas por eles de pinturas rupestres, papiros, máquinas de escrever, rádios, jornais e cartas. 

Divertiram-se muito nas aulas de Oficina de Linguagem, onde trabalharam rimas e os mistérios. O objetivo dos mistérios era promover a percepção das rimas (importante tarefa de consciência fonológica no processo de alfabetização) e foi ganhando força pelo encantamento que as descobertas deles provoca nas crianças.

English Every day

Os alunos do Fundamental I, do 1º ao 5º ano, aproveitaram a Manhã Literária para mostrar às famílias seu desenvolvimento na língua inglesa, estudada diariamente por eles. Foi um show de interpretação com direito à teatro, música e poesia. As turmas encantaram as famílias com o talento adquirido nas aulas de inglês. Aliado ao projeto CRS, as apresentações de teatro do “Rouxinol do Imperador” e “O soldadinho de chumbo” nos deram uma grande lição de vida, mostrando que ainda vale a pena acreditar no ser humano e no amor.   

Ensino Fundamental I

Os alunos do 2º ano leram o paradidático “Onde começa a história? ”, e, com esta indagação, o livro convida o leitor a se aventurar no processo criativo da escrita, mostrando que uma história pode nascer de uma ideia, um desenho, uma palavra, uma personagem e pode fluir facilmente ou empacar na segunda ou terceira frase. O Trabalho da turminha fluiu e eles escreveram juntos uma bela história.

Através do livro “O Circo da Lua”, o 3º ano criou diálogo, pintou painéis interativos para a exposição e se divertiu trocando a roupa da Babete. A história despertou grande interesse dos alunos, pela temática simples, encantadora e envolvente.

A variedade de gêneros textuais trazidas pelo livro “O circo do amanhã”, instigou o 4º ano a elaborar adivinhas que ensinaram muito aos participantes da exposição.

E, com a leitura de “O misterioso Baú do vovô”, cada aluno do 5º ano montou seu próprio baú com inúmeras lembranças, amontoados de histórias cheias de vida, viajando no passado e revivendo tantas memórias. 

Ensino Fundamental II

A principal proposta das turmas de FII foi revisitar o desenvolvimento da escrita ao longo da história do homem, construindo uma linha do tempo através dos meios utilizados para escrever. 

O 6º ano construiu automóveis, placas de sinalização de trânsito e passeou pelo colégio abordando os convidados e conversando sobre a linguagem não verbal. Já o 8º ano estudou a arte rupestre, registros egípcios, cunhas em bambu e tábulas de argila, nas aulas de artes, história e português. Viajando até a Idade Média, o 7º ano conheceu os manuscritos iluminados, e criaram seus próprios pergaminhos, até chegarem ao papel como conhecemos e à evolução da caneta. Por fim, com o objetivo de resgatar a história da escrita dos professores, alunos e famílias, o tema abordado pelas turmas da tarde foi “Escrita sinônimo de afeto, emoção e lembrança”.

A Manhã Literária aventurou-se para além do Português e foi a teacher (de inglês) e a maestra (de espanhol) que ampliaram o tema junto com o 9º ano: “A língua estrangeira na era tecnológica: incorporação de novos termos e a comunicação por meio de símbolos digitais”. Os convidados divertiram-se com o jogo de celulares que propunham cartas enigmáticas, onde a expressão de ideias se deu por meio de emojis elaborados com muita criatividade pelos alunos. Fizeram ainda o convite “#euindico”, uma oportunidade de compartilhar dicas de leitura na rede. 

Ensino Médio

A participação do Ensino Médio foi, sem dúvida, memorável!  Ao longo do 1º trimestre, os alunos da 1ª série do Ensino Médio leram Harry Potter e a Pedra Filosofal. Montaram, então, um cenário representando o livro, caracterizaram-se como os personagens, encenaram partes do livro, praticaram feitiços com os participantes, realizaram um quizz, onde o prêmio era uma varinha mágica confeccionada por eles e, por fim, utilizaram o chapéu seletor para descobrir qual era a casa dos alunos, professores e familiares (sem dúvidas, Grifinória foi a preferida!). Tudo isso com muita música ao vivo, tocada pelos próprios alunos. 

 

Além de todos estes acontecimentos, o colégio contou novamente com a participação da tribo Kariri-Xocó, que são da região do baixo São Francisco, no município alagoano de Porto Real. O Espaço Indígena é tradicional e faz parte da programação anual da Manhã Literária do Cermac há mais de 10 anos. 

Depois de colaborarem com doações dos alimentos arrecadados na Campanha Páscoa Solidária, para a tribo, as crianças conhecem um pouco mais sobre a Cultura, seus hábitos e costumes, aprendem a valorizar a diversidade étnica, cultural e social no Brasil, mostrando como os povos indígenas vivem e como produzem sua arte. Em especial neste dia os convidados têm a oportunidade de comprar os produtos típicos confeccionados, artesanalmente, por toda a tribo. 

 

 

Lido 62 vezes
13.04.2018

Matrículas 2018

Conheça a nossa escola e venha fazer parte deste time de sucesso!

Acesso a biblioteca

Seja bem vindo à biblioteca do CERMAC.

Secretaria on-line

Solicite declarações, 2ª via de histórico escolar, matrículas de esporte, matrículas do curso integral, cancelamentos, entre outros serviços!

Inglês Diário

Da Educação Infantil ao Ensino Fundamental

QMágico

Unesco - Anglo